Sistemas de exaustão e compressores na indústria

O ar é muito utilizado em diversos setores, seja para ser comprimido e cumprir alguma função para ser expelido para fora de um bico ou para ser sugado e enviado a outros setores e estações de tratamento.

Cada equipamento que lida com o ar possui um sistema completo que trabalha todo o ar, dado para ele a sua finalidade mais adequada.

Durante este artigo iremos abordar o uso de diversos equipamentos, ferramentas e sistemas que utilizam o ar para aplicar algumas funções essenciais em diversos segmentos.

O que é um sistema de exaustão?

Basicamente um sistema de exaustão tem como objetivo retirar o ar que provavelmente estará contaminado com alguma substância e despejá-lo em algum outro local. Esse é um sistema muito comum em diversos ambientes como laboratórios e até em veículos, no caso dos carros para retirar o ar gerado pelo processo de queima do combustível e despejar pelo escapamento.

Além dessas utilizações, os sistemas com foco em exaustão estão presentes também no setor residencial, sendo um ótimo sistema auxiliar para cozinhas.

No cenário residencial, é comum encontrá-lo em cima do fogão para realizar a sucção do ar proveniente de frituras e todo tipo de comida que podem ser feitas, evitando que a gordura fique presa no azulejo e que espalhe algum cheiro no ambiente.

Exaustores com foco na indústria

Dentro dos ambientes industriais os exaustores possuem diversas funções, mas, no geral, eles trabalham com ambientes que possuam:

  • Excesso de temperatura;

  • Umidade;

  • Vapores;

  • Fumaça;

  • Mofo;

  • Odores indesejados.

Eles são comercializados em diversos modelos que podem atender melhor a certos tipos de necessidades específicas.

Nesse contexto, vale mencionar que o exaustor industrial mais comum são aqueles que ficam em alguma parte alta do local e tem como objetivo sugar o ar quente que fica na parte superior, próximo ao teto, trazendo um resfriamento natural ao local.

Esses exaustores superiores podem ser encontrados em 2 modelos, podendo ser os que são inseridos na parede e os de teto.

De modo geral, os da parede funcionam por meio de energia elétrica, necessitando de alguma carga para iniciar as operações. Já os de teto, geralmente, tem sua ignição elétrica e também pela energia do vento, por conta das suas aberturas laterais o vento pode acabar iniciando o seu processo de giro e o restante do processo é feito pela parte elétrica.

Compressores de ar: Como funcionam?

O compressor industrial é o principal equipamento utilizado para manipular o ar, com a função de comprimir e expurgar a partir de algum bico ou ponte que irá dar uma certa estrutura ao ar.

Normalmente os compressores funcionam por meio da compressão mecânica do ar, sendo que ele é espremido dentro de um reservatório, dando ao ar uma pressão muito maior e, ao ser expelido, atinge velocidades muito altas.

Os principais utilizadores deste equipamento estão presentes nos setores automobilísticos, que aplicam os compressores para realizar a pintura e toda a parte de funilaria com alguns modelos que fundem o ar a certos tipos de tintas para fazer uma pintura mais rápida e que cubra a superfície uniformemente.

Outro mercado que utiliza muito o compressor de ar são os de limpeza, pois podem remover com facilidade a poeira e certos desejados que ficam presos em frestas e fissuras. Além disso, eles apresentam muita resistência para retirar com panos e buchas tais sujeiras.

Dentro de um compressor existem diversos tipos de produtos, peças e conexões que se juntam para criar um sistema totalmente eficiente e capaz de realizar os procedimentos que envolvam alta pressão do ar. Vamos entender um pouco melhor sobre esses equipamentos a partir de agora.

Purgador termodinâmico

Um purgador termodinâmico para vapor tem a função extremamente importante de permitir – ou não – a passagem do ar comprimido por meio de um sistema de ação mecânica.

Basicamente, ele é configurado para quando o ar vir de uma direção, permitir a sua passagem. No caso de ele sofrer pressão do lado contrário ele evita a passagem do ar.

Como os compressores possuem uma entrada e uma saída específicas, esse equipamento tem a função de manter o ar comprimido preso dentro do reservatório.

Conexões

Dentro de um compressor existe um sistema hidráulico para realizar a compressão. Geralmente, esses sistemas se interligam através de conexões de latão, que é um material extremamente resistente as possíveis pressões mecânicas que o material está sujeito. Além disso o latão é um material muito volátil e barato, deixando o equipamento muito mais acessível.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *