Os gadgets na indústria

Antes de mais nada, a palavra gadget é estrangeira e presente no vocabulário brasileiro, que serve para denominar dispositivos eletrônicos quando são portáveis, como celulares, notebook, hds externos, tablets, entre outros.

Entretanto, no universo de TI, esse termo é utilizado para determinar programas que oferecem algum tipo de serviço que pode ser executado ou gerenciado em um único ambiente sem a necessidade de aplicativos independentes.

Ou seja, um recurso que permite adicionar outras funções a um projeto pronto, como a interação entre outros sistemas.

Não existe uma lista oficial do que realmente é um gadget, porém são dispositivos que se encaixam na descrição acima, como é o caso de:

  • Smartwatches;
  • Óculos de realidade virtual;
  • Carregadores externos;
  • GoPro;
  • Pendrive;
  • Entre outros.

Entenda a diferença entre Gadget e Widget

Por seus nomes serem parecidos, muitas pessoas acabam confundindo o termo gadget com widget, entretanto, os dois são equipamentos distintos, como também são usados para funções diferentes.

No caso do widget, por exemplo, é um elemento de interface gráfica que consegue facilitar a interação entre usuário de aplicativos em geral. Ele pode ser em formato de botão, janela, ícone, entre outros.

Esse sistema ficou muito mais conhecido depois do uso de smatphones, isso porque conseguem fazer essa interação de forma mais interativa. Um grande exemplo disso é o uso de uma barra de atalho para o Google, que fica geralmente no pagina inicial do celular ou em outros aparelhos, como um gps bluetooth, por exemplo.

Os widgets podem ser divididos em dois tipos, sendo eles de alto ou baixo nível. São facilmente encontrados em plataformas de desenvolvimento de sistemas, como os frameworks. Podem ser calendários, agendas, precisão do tempo, atalho de busca, gps, entre outros.

No caso dos gadgets, eles são dispositivos que, geralmente, oferecem algum tipo de serviço para sites através de alguns códigos específicos.

Além disso, também pode ser agregado ao sistema operacional do aparelho ou, até mesmo, serem os aparelhos em si, como o drone, aparelhos de telefone celular, netbook, tablets, kindle, entre outros.

Basicamente, os widgets são componentes alocados em um determinado sistema operacional, enquanto os gadgets são os dispositivos eletrônicos em si ou os códigos que serão incorporados em configurações de páginas web

Ou seja, seriam os dispositivos, os hardware, e os Widgets qualquer tipo de componente que pode ser adicionado a um sistema ou página.

Gadget usado na indústria

Na indústria, os gadgets estão presentes em muitos setores. E por incrível que pareça, já são usados no dia a dia em diversas funções, como medição, controle, organização, entre outras tarefas necessárias dentro das fábricas.

Os aplicativos vêm ganhando espaço no mercado pelo fato de serem simples de manusear, além de conseguiram facilitar tarefas diárias, organizar e controlar processos envolvidos no cotidiano de uma empresa.

Podem ser utilizados desde para a consulta da dados e informações em tempo real até mesmo na otimização de processos complexos envolvidos na produção de conteúdo, como também para ter acesso ao controle de vendas e financeiro da empresa.

Alguns desses aplicativos foram desenvolvidos para realizarem a medição de comprimento, ângulos, distância, entre outras medidas. Além disso, são muito eficientes como ferramentas de medição para obter resultados em uma variada quantidade de opções.

Com o uso de comunicação criados para sua indústria, é possível conseguir disponibilizar algumas informações e permitir o acesso de pessoas autorizadas no momento certo.

Esse processo acaba facilitando a circulação de informação sobre a empresa e evita que esses dados acabem vazando pela internet ou por pendrives.

Outro ponto é que, com o uso de aplicativos, é possível entender a quantidade de tempo que foi usado e quantos operadores foram envolvidos na produção de uma determinada peça.

Através de aplicações, também é possível realizar o controle desses processos de maneira simples e com resultados precisos, em tempo real pelo cruzamento de informações.

A digitalização de documentos e informações também é outro tipo de recurso que pode ser conquistado pelo uso de aplicativos específicos, ou seja, é possível dispensar o uso de papel ao passar tudo para uma plataforma digital.

Esse tipo de aplicativo consegue permitir o anexo de novas informações à um sistema e assim ser acessado pelas pessoas autorizadas, o que evita consideravelmente a perda de informações e documentos importantes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *