Conhecendo as variações de aço

O aço é, certamente, um dos materiais mais utilizados no cotidiano da produção industrial, especialmente por suas propriedades que conferem mais resistência e durabilidade às peças tratadas e desenvolvidas no setor.

Por isso, conhecer mais sobre sua aplicação e entender um pouco sobre alguns procedimentos que fazem parte do seu tratamento correto, seguro e prático é fundamental para o uso mais preciso e resolutivo desse material.

No artigo a seguir, fique por dentro de como cortar perfis e demais itens feitos de aço de modo correto e também algumas especificações importantes sobre esse componente diário nas fábricas e indústrias.

Corte

Cortar aço não é uma tarefa fácil, certo? Errado. Com os avanços tecnológicos e as inovações, que são cada vez mais certeiras, dentro do setor industrial, é possível contar com procedimentos econômicos e seguros que não deixam a desejar na praticidade e na qualidade dos resultados oferecidos.

Ao contar com serviços de Corte a Laser em SP, é possível investir em um tratamento de alto desempenho que tem um impacto direto na rentabilidade e na economia da empresa.

Isso porque as máquinas de corte a laser usam um mecanismo especial de concentração luminosa, que é conduzida de forma direcionada sobre uma superfície.

Com isso, há um superaquecimento local e muito preciso, o que gera o corte por derretimento quando o feixe de laser ultrapassa toda a camada do produto.

A qualidade desse processo e a garantia de precisão quando bem utilizado são duas das principais razões pelas quais o corte a laser é altamente indicado.

Seja no corte laser inox ou mesmo de outros tipos de aço, o formato desejado pode ser obtido com muito mais facilidade, assegurando que os detalhes farão parte do trabalho entregue ao final do processo.

A geometria desejada é seguida pelo sistema e as partes são, portanto, separadas conforme o ciclo de produção exigir.

Entre as principais vantagens desse tipo de corte, podemos destacar:

  • Indicado para diferentes tipos de materiais;
  • Dispensa pós-processamento;
  • Precisão de alto desempenho;
  • Sem desgaste de ferramentas.

Existem diferentes tipos de corte, mas todos buscam auxiliar no contexto indústria de modo a gerar resultados mais exatos e satisfatórios tanto para a fabricante quanto para o cliente final, que busca peças de qualidade.

Além do aço carbono, entre os materiais que podem ser cortados com o uso do laser, temos o policarbonato, a borracha, a madeira, tecidos, plásticos diversos, papel e até alimentos.

Aço especial

O aço é usado em ferramentas e equipamentos que precisam apresentar alto nível de resistência e durabilidade, pois realizam procedimentos relacionados com impactos mecânicos, pressão e corte.

Por isso, muitos itens contam com tipos especiais, que garantem um desempenho ainda mais elevado nos aspectos mencionados.

Um exemplo é o Aço VND, empregado em ferramentas, como:

  • Brochas;
  • Punções;
  • Facas;
  • Cossinetes.

Ele está presente em utensílios utilizados para trabalhos em madeira, em pinos de guia, estampos, matrizes, roletes de laminação de roscas, calibres, réguas, etc. Desse modo, sua alta taxa de versatilidade também merece destaque.

Com seu uso, portanto, é possível obter uma série de benefícios voltados para o aumento expressivo da produtividade e também para a diminuição de gastos relacionados com a manutenção.

Geralmente temperado a óleo e com um custo reduzido quando comparado com outros tipos de aço especial, o VND possui menos aptidão para deformação e se destaca pela capacidade de manter o gume cortante por mais tempo, combatendo a abrasividade.

Itens de aço

O aço está presente em todos os lugares, mesmo que a gente não perceba em uma primeira análise, pois eles são parte construtiva de edificações e procedimentos de produção variados. Dessa forma, o emprego de itens como o tubo e a chapa de aço é muito mais recorrente do que se imagina.

As chapas de aço, por exemplo, são empregadas em diversos tipos de estrutura e podem fazer parte de sistemas de produção e de montagem em diferentes segmentos dentro das fábricas e indústrias.

Além disso, esses perfis são altamente recomendados, por sua flexibilidade sem deixar de lado a resistência necessária.

Já o tubo aço é ideal para revestimentos em cabos e fios de sistemas elétricos no geral, garantindo o desempenho mais seguro e eficiente no armazenamento desses componentes fundamentais.

Para obter resultados ainda mais satisfatórios com relação à durabilidade desses produtos, basta sujeitá-los a um processo de galvanização, que é quando a peça é revestida por um material nobre, geralmente o zinco, e com isso se torna mais resistente e tem sua vida útil prolongada de modo considerável.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *