Cabos com utilidade em diversos segmentos

cabo de energia é uma peça fundamental para o funcionamento de diversos aparatos usados no cotidiano. O motivo por trás disso é o fato de que grande parte deles têm a energia elétrica como fonte de alimentação – energia essa que só chega até o aparelho por meio de cabos apropriados para tal.

Apesar de o termo “cabo” ser muito usado para se referir a estes itens, tais artigos têm muitas outras utilidades, tanto na indústria quanto em estabelecimentos comerciais de outros segmentos. Aprenda mais a respeito de suas diversas variedades e como são usados a seguir:

 

Cabos de aço

Em diversos setores, como a construção civil, é preciso fazer o içamento de cargas grandes e pesadas, como vigas metálicas e até mesmo pequenos equipamentos.

Como realizar este procedimento de maneira 100% manual é inviável, usa-se maquinários auxiliares na tarefa, como os guindastes e os caminhões munck.

Acontece que eles próprios também dependem de certos acessórios para que funcionem corretamente, como o cabo de aço. Resistente, sua função é justamente proporcionar apoio durante o procedimento do içamento.

Apesar de isso parecer muito simples, é preciso ter em mente que existem diversos modelos deste item no mercado, tais como:

  • Cabo de aço galvanizado;

  • Cabo de aço inoxidável;

  • Cabo de aço polido;

  • Cabo de aço revestido.

 

Além de analisar esta questão, também é fundamental que o cabo adquirido seja fabricado por uma empresa de confiança. Afinal, caso ele se rompa em pleno içamento, as condições serão desastrosas, podendo até mesmo resultar em algo fatal.

Como tais estabelecimentos promovem ensaios em cabos de aço em laboratório, com o objetivo de aferir sua resistência, modelos que se rompem sob pressão sequer chegam a ser comercializados.

Da mesma forma, há modelos pensados para tarefas que exigem menos de sua estrutura – ou seja, o içamento de itens mais leves, e a uma altura reduzida.

É o caso, por exemplo, do cabo de aço para academia: neste contexto, ele é instalado em aparelhos, içando as cargas quando as máquinas são acionadas pelo usuário.

 

Fios de cobre

O cobre tem como uma de suas características fundamentais, o fato de ser um excelente condutor elétrico. Na prática, isso significa que este material oferece poucas barreiras à passagem da eletricidade. Consequentemente, fios e cabos de cobre estão entre os itens mais usados em sistemas elétricos.

Apesar disso, este metal não é o único material usado na fabricação de cabos e fios: eles costumam ser revestidos em materiais que não conduzem eletricidade, como o PVC. O objetivo é fazer com que a manutenção das instalações seja mais segura, reduzindo as chances de choques elétricos.

Vale ressaltar que, ao contrário do que muitas pessoas pensam, um rolo de fio e outro de cabos não são a mesma coisa: na verdade, um cabo é um conjunto de fios, que são unidos de modo a tornar o transporte da eletricidade mais eficiente. Estes, por sua vez, podem assumir diversas configurações, como será observado a seguir.

 

Cabo PP

O cabo PP é um item muito usado na indústria automobilística. Fino e flexível, ele recebe este nome pois conta com duas camadas de PVC em seu exterior, reforçando a proteção contra choques e tornando-o mais seguro. Além disso, ele possui três pontas, o que favorece a eficiência do fluxo de eletricidade.

Por conta destas vantagens, cabo flexivel é muito usado tanto no âmbito industrial quanto no doméstico. No caso deste último, suas principais aplicações são:

  • Sistemas de som;

  • Itens de iluminação (lustres e abajures, por exemplo);

  • Eletrônicos em geral, como videogames.

 

Vale ressaltar que, por conta da dupla camada de PVC em seu exterior, este cabo pode ser deixado no chão e ser pisado sem maiores problemas: como o plástico não conduz eletricidade, não há risco de choques elétricos.

 

Cabos paralelos

Como o próprio nome dá a entender, os cabos paralelos consistem em dois fios que guiam fluxos de eletricidade separados, mas que são unidos por meio da capa de PVC.

Assim como os cabos PP, ele são feitos com fios de cobre e entram no rol dos cabos flexíveis. Da mesma maneira, eles também têm muitas aplicações domésticas, como em itens de iluminação e em eletroportáteis (eletrônicos de pequeno porte).

Por fim, antes de adquirir qualquer tipo de cabo, seja ele PP ou paralelo, é muito importante certificar-se de que ele é feito por um fabricante de confiança. Do contrário, não apenas a rede apresentará defeitos frequentes, como também poderá causar acidentes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *