A diversidade do aço na indústria

O Corte a laser em SP precisa ser realizado por uma empresa especializada no serviço, pois ela é responsável pelo comprometimento de desenvolver um serviço que assegura um corte com qualidade e a precisão. Aliás, contratar os serviços dessas empresas é uma opção cada vez mais indicada.

Ela possui uma tecnologia avançada que permite um corte térmico com o objetivo de focar na excelência do serviço prestado e, ainda, disponibiliza funções que permitem uma peça de alta qualidade e que não comprometem a agilidade do processo, pois também contam com uma maquina de corte que confecciona o corte em larga escala.

No entanto, a máquina de corte a laser precisa ficar adequada para poder suprir a demanda pedida e, assim, contribuir com algumas vantagens:

  • Reduz custos;

  • Corte preciso;

  • Cortes em diversas gramaturas;

  • Sistema de alta precisão permitindo cortes complexos.

Recomenda-se que o fornecedor fique atento às instruções específicas para que possa programar os softwares, estabilizar o posicionamento e a movimentação estrutural e, ainda, treinar os operadores e programadores que ficarão ao comando da máquina.

É preciso checar a qualidade dos gases utilizados e deixar a equipe alerta caso haja necessidades de manutenção preventiva ou após um período de utilização, completando os atendimentos e resultando em boa produtividade das máquinas de corte a laser.

Conheça as características do aço 1020

O Aço 1020 ou aço sae 1020 é um dos tipos de aços carbono mais comuns e usados para cementação que apresenta melhor preço em relação aos aços ligados para o mesmo fim.

Ele tem uma ótima plasticidade e soldabilidade e, ao ser feita a cementação, agrega o benefício, no entanto, gera menor capacidade de endurecimento em relação ao GGD 862

É indicado para componentes mecânicos como: engrenagens, eixos, virabrequins, eixos-comando, pinos guia, anéis de engrenagem, colunas, catracas, capas.

O aço 1020 agrega algumas qualidades de boa soldabilidade, forjabilidade, baixa resistência mecânica e baixa usinabilidade.

Ele é produzido com aço carbono de ligas metálicas feitas de ferro, carbono, silício e manganês, mas também pode apresentar outros elementos inerentes que podem fazer parte do processo de fabricação com percentuais controlados.

O aço 1020 é um dos recursos mais usados por conta da sua baixa temperabilidade, excelente forjabilidade e soldabilidade, mas sua usinagem é considerada pobre. A microestrutura presente no seu estado é normalizada, perlita fina e ferrita.

Ele é usado em parafusos, trefilados duros, chassis, discos de roda, peças em geral para máquinas e veículos submetidos a esforços pequenos e médios.

Esse aço é altamente tenaz e é ideal para produção de peças com o recebimento de tratamento superficial para aumento de dureza e cementação.

Veja os aspectos do aço 1045

O Aço 1045 é um aço voltado para beneficiar com a temperabilidade, significa profundidade de transformação martensítica, baixa, isto é, apresenta uma baixa penetração de dureza na sua seção transversal.

Não se recomenda esse aço para utilização de seções superiores a 60 mm em muitas situações até quando a seção for maior de 80 mm. Isso é exigido quando o material for para o tratamento térmico de têmpera.

O aço 1045 tem forma retangular e agrega boa relação entre resistência mecânica e resistência à fratura, ou seja, uma resistência à tensão e razoável tenacidade ou resiliência, pertencente sua faixa de aplicação. Geralmente se usa com durezas com intervalo de 180 a 300 HB em faixas de 30 a 40 HB.

O aço inox ou inoxidável é uma liga de ferro e cromo no que pode ter níquel, molibdênio e outros elementos. Ele possui, aproximadamente, 11% de cromo e, esse elemento, torna-o resistente à corrosão.

Assim, o aço inox é considerado superior ao aço comum devido suas propriedades físico-químicas como alta resistência à oxidação.

O cromo permite a criação de película finíssima de óxido de cromo sobre a superfície do aço, impermeável e insolúvel, nos meios corrosivos comuns.

A corrosão ocorre entre os aços comuns e o oxigênio, formando uma camada porosa de óxido de ferro, ou seja, ferrugem, a película de cromo não permite a camada porosa se formar, impedindo o ferro presente na liga de entrar em contato com o oxigênio.

É usado em vários produtos e tarefas em indústrias, construção civil, entre outras, pois sua versatilidade o dispõe para muitas finalidades. Consulte um especialista e saiba mais sobre o produto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *